São José dos Cordeiros - PB, segunda-feira, 3 de agosto de 2020 . | | | | | Facebook twitter webmail instagran youtube

Jefferson Roberto se reúne com deputado Adriano Galdino e secretários de Estado e faz reivindicações para São José dos Cordeiros

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020



O prefeito Jefferson Roberto esteve nesta quarta-feira (29) na companhia do presidente da Assembléia Legislativa, deputado Adriano Galdino, visitando vários secretários do Governo do Estado e na pasta vários projetos e pleitos para o município de São José dos Cordeiros.

Jefferson Roberto visitou durante a manhã da quarta o secretário de Recursos Hídricos e Infraestrutura, Deusdete Queiroga. Junto ao auxiliar, o gestor cordeirense solicitou a perfuração de mais 6 poços artesianos, passagem molhada na zona rural, dois novos sistemas do Programa Água Doce, pavimentação de ruas em paralelepípedo e a conclusão do sistema de esgotamento sanitário de São José dos Cordeiros.

Segundo o gestor, Deusdete recebeu com atenção e disposição os pleitos realizados e garantiu de imediato o retorno das obras de esgotamento sanitário.


À tarde, o prefeito Jefferson Roberto e o deputado Adriano Galdino estiveram com o secretário de saúde, Dr. Geraldo Medeiros, e de pronto agradeceu ao auxiliar e ao deputado Adriano o empenho para a liberação de recursos para o Hospital de Serra Branca. O prefeito pediu ainda ao secretário a destinação de um veículo para atender pacientes da região que necessitam de tratamento fora de domicílio, entre outros pleitos.

Nesta quinta-feira (30), o prefeito Jefferson Roberto continuará visitando as Secretarias de Estado e estará reunido com o secretário de educação, Cláudio Furtado.

Para o presidente da Assembleia, Adriano Galdino, os encontros tem sido promissores e uma oportunidade do Governo do Estado se planejar para atender as demandas da população de São José dos Cordeiros.

O prefeito Jefferson Roberto agradeceu a intercessão do deputado nesses encontros e destacou que sua presença está fortalecendo os pleitos levados para cada secretaria.

POR:  KLEBSON WANDERLEY EM 30 DE JANEIRO DE 2020